Polícia Militar Ambiental prende homem por desmatamento em Camanducaia

Autor havia aterrado uma área de 150m2

O Grupo de Polícia Militar de Meio Ambiente (GPMAmb) prendeu, na última semana, um homem que estava desmatando uma área de 10.000m2 do bioma Mata Atlântica, no Bairro Campestre (Mata do Zé Mota), em Camanducaia. Diversas árvores já tinham sido cortadas e o autor havia aterrado uma área de 150m2. A PM constatou o flagrante de crime contra a flora e o homem foi levado para a delegacia, onde ficou preso. Desmantar é crime e a pena é de um a cinco anos de reclusão.

Antes de comprar um lote, verifique na Prefeitura Municipal se ele está regularizado. Isso vai evitar possíveis problemas no futuro. E se for construir ou mexer no terreno, consulte a Secretaria de Meio Ambiente de Camanducaia. “Nos ajude a preservar, de maneira consciente, nossa fauna e flora: denuncie o desmatamento em nosso município”.

O telefone da Polícia Militar Ambiental é (35) 3435-2177.

 

 

Fotos: Ascom/Pref. Camanducaia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *