Quando ameaçamos nosso planeta, arruinamos nossa própria casa

Quando ameaçamos nosso planeta, arruinamos nossa própria casa

24 de abril de 2020
1

O dia 22 de abril, quarta-feira, foi declarado pela Assembleia Geral das Nações Unidas (AGNU) como o Dia Internacional da Mãe Terra, em 2009, com o objetivo de lembrar a interdependência entre seres humanos e os ecossistemas terrestres, assim como ressaltar a responsabilidade coletiva da sociedade de procurar viver em harmonia com a natureza.

A primeira manifestação da data ocorreu muitos anos antes de a Organização das Nações Unidas (ONU) reconhecer a sua importância. Em 22 de abril de 1970, o senador Gaylord Nelson, ativista ambiental, criou a comemoração. Cerca de duas mil universidades, dez mil escolas primárias e secundárias e centenas de comunidades participaram do ato. Na época, a pressão social teve sucesso e o governo dos Estados Unidos implantou a Agência de Proteção Ambiental e uma série de leis destinadas à proteção do meio ambiente.

Também chamada de Dia do Planeta Terra ou Dia da Terra, a data se internacionalizou a partir da década de 90; outros países também passaram a celebrar o dia que reconhece a importância do planeta e faz refletir sobre a preservação. A comemoração refere-se à tomada de consciência dos recursos naturais e seu manejo, à educação ambiental e à participação como cidadãos ambientalmente conscientes e responsáveis.

Para a ONU, a comemoração anual do Dia Internacional da Mãe Terra presta homenagem ao nosso planeta único e ao lugar que nele ocupam os seres humanos. “Também tem a intenção de chamar a atenção para a falta de atenção dos humanos para com os recursos e os ecossistemas que suportam a vida na Terra”.

“Nos próximos anos, o mundo vai necessitar de 50% mais de alimentos… 45% mais de energia… 30% mais de água… e muitos milhões de novos empregos. A Mãe Terra pertence a todos nós. Quando nós ameaçamos nosso planeta, minamos nossa própria casa – e nossa sobrevivência no futuro”.

A Terra possui em torno de 4,5 bilhões de anos e tem 510,3 milhões km2 de área total. A população humana atual da Terra é de aproximadamente 7,6 bilhões de pessoas. A Terra é o terceiro planeta mais próximo do Sol, o mais denso e o quinto maior dos oito planetas do Sistema Solar. A abundância de água na superfície da Terra é uma característica única que distingue o “Planeta Azul” dos outros do Sistema Solar.

Arte: Danillo Moreno/Gazeta da Cidade

Últimos Editoriais