Quem cuida da mente, cuida da vida! #JaneiroBranco #TodoCuidadoConta

Quem cuida da mente, cuida da vida! #JaneiroBranco #TodoCuidadoConta

15 de janeiro de 2021
1

Em tempos de pandemia, a campanha Janeiro Branco chega a sua 8ª edição. O movimento convida as pessoas a pensarem sobre suas vidas, colocando o tema da saúde mental em evidência em prol da prevenção do adoecimento emocional da humanidade, estimulando a busca por estratégias políticas, sociais e culturais para que a saúde mental seja, além de prevenida e conhecida, tratada com a seriedade que merece.

Com o slogan “Quem cuida da mente, cuida da vida”, cidadãos, psicólogos e demais profissionais (da área da saúde ou não) se mobilizando durante todo o mês para ajudar a difundir a campanha e seus objetivos.

Janeiro, por ser o primeiro mês do ano, quando as pessoas buscam por realizações, renovação, modificação ou simplesmente um ano melhor ou diferente, é um período em que muitos olham para si e avaliam suas condições psíquicas e existenciais. É um mês propício para ressaltar que a saúde mental e emocional precisa de atenção. Ela ultrapassa barreiras nacionais, culturais e socioeconômicas. As perturbações dessa natureza crescem a cada dia em todo o mundo e são as principais doenças do século XXI, potencializadas, agora, pela pandemia de Covid-19.

Estudos apresentados pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e Mistério da Saúde indicam que o Brasil tem experimentado um crescimento vertiginoso das problemáticas relativas à saúde mental/saúde emocional. São altos os índices de violência (em domicílios, no trânsito ou em escolas), de criminalidade, de suicídios, de alcoolismo, drogadição, depressão, ansiedade, de preconceitos e de outros sintomas relativos a estilos de vida adoecidos e que colocam em risco o equilíbrio mental, comportamental, espiritual e emocional das pessoas, ainda mais durante uma pandemia.

O movimento, que nasceu em Minas Gerais, destaca que “há sofrimentos que podem ser prevenidos; dores que podem ser evitadas; violências que podem ser impedidas, cuidadas ou reparadas; exemplos que podem ser partilhados; e ensinamentos que podem ser difundidos”.

Mais detalhes sobre a campanha, a programação e suas novidades podem ser encontradas em: www.janeirobranco.com.br.

Últimos Editoriais