Notícias

Aulas da Rede Municipal de Ensino de Extrema começam neste semana

Na segunda-feira, dia 8 de fevereiro, terão início as aulas do ano letivo de 2021 de toda a Rede Municipal de Ensino de Extrema: Centro de Educação Infantil Municipal (Ceim)/creches, escolas municipais (Ensino Fundamental), Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Atendimento Educacional Especializado (AEE). Ao todo, mais de 7.500 alunos já foram matriculados.

06 de fevereiro de 2021

Foto: Ilustrativa/Ascom Pref. Extrema

Inicialmente-as-aulas-da-Rede-Municipal-de-Ensino-acontecerão-no-modelo-não-presencial-550×300

Inicialmente, as aulas dos Ceim, escolas municipais e EJA acontecerão no modelo não presencial. Somente a unidade escolar do AEE começará a ofertar aulas presenciais já neste mês de fevereiro, mediante autorização dos pais ou responsáveis e liberação médica. O AEE proporciona atendimento extracurricular especializado a uma quantidade reduzida de estudantes que possuem deficiência, transtornos globais do desenvolvimento (TDG) ou altas habilidades/superdotação, e dividem-se em turmas pequenas com uma média de quatro alunos.

As escolas particulares de Extrema foram autorizadas a retomar suas atividades presenciais com restrições, mas as aulas da Rede Municipal continuarão, a princípio, de forma remota devido à quantidade de alunos atendidos que é muito superior ao número de estudantes das instituições privadas. A Secretaria de Educação, juntamente com a Secretaria de Saúde, segue formulando um plano para a retomada segura das aulas presenciais da Rede Municipal, o que está previsto para acontecer já no mês de março.

Já as escolas estaduais estão aguardando orientações da Secretaria de Estado de Educação para as tomadas de decisões referentes ao retorno presencial.

Como são realizadas as aulas não presenciais na Rede Municipal?

As aulas não presenciais acontecem por meio de plataformas online nas quais os alunos acessam e os professores monitoram todo o trabalho. Os educadores também fazem aulas ao vivo e usam o WhatsApp para tirar dúvidas e explicar aos alunos como resolver as tarefas.

Para participar das aulas e receber orientações dos professores à distância, os alunos precisam de um computador, tablet ou celular com acesso à internet. Aqueles que não podem usar a internet têm a opção de realizar atividades impressas e disponibilizadas pela escola. Para isso, o aluno, pai ou responsável deve buscar a atividade na unidade de ensino e devolvê-la depois de pronta. Os alunos com necessidades especiais recebem um atendimento diferenciado, podendo realizar as atividades na plataforma ou até mesmo recebê-las impressas em suas casas.

As unidades escolares estão inteiramente à disposição das famílias para tirar quaisquer dúvidas relacionadas às aulas não presenciais. Para mais informações, entre em contato com a Secretaria de Educação pelo telefone (35) 3435-6640.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 2525

13/08/2020

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp