Notícias

Encontra-se em tramitação na Câmara o Projeto de Lei para construção de 125 casas do Residencial Tenentes VI

23 de julho de 2022

Foto: Ascom/Câmara Extrema

WhatsApp Image 2022-07-22 at 15.40.34

O Projeto de Lei nº 3.591/2022, de autoria do Poder Executivo, tramita na esfera legislativa de Extrema e trata da participação do município no Programa Carta de Crédito FGTS Associativo – Apoio à Produção – Imóvel na Planta ou programa equivalente para a construção de 125 casas no Residencial Tenentes VI. Os lotes localizam-se numa área caraterizada pela ampla expansão habitacional e que vem trazendo desenvolvimento planejado para toda a região.

No projeto consta que o loteamento, de interesse social, apresenta área de 56.832.419m2 e infraestrutura de qualidade constituída pelos equipamentos urbanos de escoamento das águas pluviais, iluminação pública, esgotamento sanitário, abastecimento de água potável, energia elétrica pública e domiciliar, além de vias pavimentadas necessárias ao empreendimento.

O financiamento aos futuros donatários seguirá todas as regras estabelecidas pelo programa do governo federal com recursos oriundos do Fundo de Garantia de Tempo de Serviço (FGTS), através da Caixa Econômica Federal e custeado pelo Fundo Municipal de Habitação (FMH).

A área total do novo conjunto habitacional será distribuída em nove quadras contabilizadas por 125 lotes com área média de 164,90m2. Um espaço livre de 442,81m2 ficará designado ao uso público, mais 210,370m2 para a implantação de equipamentos de água potável e de esgoto e outros 18.990,269m2 para ruas e sistema viário. As casas populares apresentarão 46,24m2 , avaliadas em R$ 154 mil.

“Com o crescimento planejado da nossa cidade, faz-se necessária a criação de novos projetos habitacionais que vão ao encontro do desenvolvimento urbanístico de Extrema. O poder público precisa estar atento às demandas emergenciais que trazem qualidade de vida a nossa população, de forma geral. O gerenciamento da gestão política emoldura-se pela adoção de posturas e ações fomentadas para o bem-estar e a comodidade da nossa gente. É mais que compromisso – é responsabilidade pelo dever de fazer melhor por nossa Extrema”, comentou o presidente do Legislativo, Sidney Soares Carvalho – Walderrama. Ainda de acordo com o vereador, o projeto terá voz e vez na Casa de Leis e contará com atenção especial.

A Prefeitura de Extrema realizará a implantação de toda infraestrutura do residencial. A construção das casas populares deve começar em breve. Saiba mais sobre o projeto no link https://bit.ly/3J0uTiV.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 1266

28/01/2023

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp