Notícias

Hospital de Campanha aumenta capacidade de internações de Covid-19 a partir de segunda (25)

Internações ocasionadas pelo coronavírus acontecerão no Hospital Municipal, independentemente da idade do paciente

23 de janeiro de 2021

Foto: Ascom/Pref. Extrema

Hospital-Municipal-“Dr.-Roberto-de-Cunto”-550×300

A partir da próxima segunda-feira, dia 25 de janeiro, as internações clínicas de pacientes de Covid-19 de todas as idades passarão a ser realizadas no Hospital Municipal “Dr. Roberto de Cunto”. Uma ala do hospital, com 30 leitos clínicos, será destinada aos adultos e jovens com idade a partir de 14 anos, enquanto outra ala, com 10 leitos clínicos pediátricos, será reservada a crianças menores de 14 anos.

A porta de entrada para os pacientes continuará sendo o Pronto Socorro Municipal – ao passar por atendimento e ser constatada a necessidade de internação clínica devido a complicações causadas por Covid-19, esses pacientes serão então encaminhados para o Hospital Municipal, cuja equipe capacitada conta com médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas, entre outros.

Logo no início da pandemia, a Secretaria de Saúde fez um pedido de liberação para que o Hospital Municipal pudesse funcionar como um hospital de campanha. No dia 17 de agosto de 2020, foram liberados 15 leitos infantis para internação de crianças com idade de 0 a 13 anos, 11 meses e 29 dias com síndrome respiratória ou complicações causadas por coronavírus; e na mesma semana, todos os atendimentos pediátricos passaram a acontecer no próprio Hospital Municipal, funcionando 24 horas por dia.

A novidade é que a partir da próxima segunda-feira, dia 25, todas as internações ocasionadas pela doença do novo coronavírus – até o atual limite de 40 leitos – acontecerão no Hospital Municipal, independentemente da idade do paciente.

Importante lembrar que os atendimentos pediátricos continuarão acontecendo no Hospital Municipal Dr. Roberto de Cunto 24 horas por dia, uma vez que as alas para crianças e adultos não se interligam.

O expressivo aumento na capacidade de internação dos casos de Covid-19 no Hospital Municipal de Extrema acontece em boa hora, quando a curva de contaminação da doença avança em todo o país. A Prefeitura de Extrema reafirma a preocupação com a população extremense e não medirá esforços para proteger todos contra a doença.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 2525

13/08/2020

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp