Notícias

Leandro Marinho parabeniza Secretaria de Cultura por estimular o desenvolvimento do setor

Uma das grandes preocupações da administração pública é dar apoio e subsídio aos profissionais de diversas áreas que estão sofrendo com os danos causados pela pandemia da Covid-19. O setor cultural certamente é um dos mais prejudicados devido à suspensão das atividades conforme orientação da própria Organização Mundial de Saúde (OMS) em evitar a aglomeração social como forma de coibir a transmissão do novo coronavírus.

13 de agosto de 2020

Imagem: Assessoria do gabinete do vereador Leandro Marinho

sem-legenda._-550×300

“Quero parabenizar o prefeito, João Batista da Silva, e o secretário de Cultura, Pablo Farina, e toda a equipe que estão engajados e apostando na busca de alternativas para minimizar os impactos da crise sanitária na cadeia produtiva da cultura. A reformulação de novas frentes de trabalho bem como o incentivo às mais diversas formas de expressão artística estão facilmente sendo vistas nos projetos de gestão que movimentam a cidade. São estratégias que movimentam o setor de Extrema durante a pandemia e trazem esperança aos agentes transformadores da cultura”, destacou Leandro Marinho.

Entre as ações propostas estão atividades virtuais como o Festival #extremadendicasa que tem como objetivo manter a arte em movimento e levar informações, entretenimento e cultura para dentro dos lares extremenses. A estrutura do evento prevê a publicação diária de conteúdos culturais de diversas áreas tais como música, teatro, dicas de leitura, história, patrimônio cultural e outros. No âmbito da música, o festival, conta com diversos estilos musicais e toda programação do #extremadendicasa é divulgada nas mídias oficiais de Extrema, além da imprensa falada e impressa. “O Cine Teatro foi preparado com uma megaestrutura para atender com todo carinho os nossos artistas. Esperamos que todo material produzido de áudio e vídeo, que estará disponibilizado após o festival, seja de grande valia para sua vida artística profissional. O momento é de superação, de fé, de solidariedade e de compartilharmos conhecimento, alegria e paixão pela arte”, comentou Pablo Farina.

Além da música, a iniciativa pública também incentiva a cena cultural com o documentário “Memória do Teatro em Extrema”, os ciclos de leitura, as performances pela janela, a programação online de cinema e outras que serão divulgadas pelas redes sociais. “A Secretaria de Cultura de Extrema reafirma o seu compromisso em apoiar a comunidade artística. Desde o início da situação de emergência, toda a equipe está permanentemente reunida, de forma presencial antes e agora com reuniões virtuais, para elaborar estratégias e ações que venham ao encontro do momento grave agora enfrentado”, disse Leandro Marinho. “Estão todos de parabéns pelas ações e reitero ainda o apoio do Legislativo na busca por melhorias que tragam novas frentes de incentivo”, destacou o presidente da Câmara.

Estas são algumas das atividades e práticas fomentadas pela Cultura de Extrema: ações da Biblioteca Municipal, além das dicas da Biblioteca e do leitor, Festival Boteco de Extrema (formato delivery), “Se Liga Estudante e Contando Histórias”, o lançamento do Acervo Digital Regional de Extrema, da Plataforma Digital da Secretaria de Cultura, dos vídeos do Projeto “Memórias de Uma cidade”, vídeos com alunos do projeto “Música para Todos”, Orquestra Sinfônica de Extrema, Coral Municipal, Orquestra de Viola Extremamente Caipira e a Banda do Bem, vídeos da “Arte em Quarentena” com os alunos do projeto Portal das Artes, além do Edital “Concurso Cultural Emergencial Dendicasa”.

Fonte: Assessoria do gabinete do vereador Leandro Marinho

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 2525

13/08/2020

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp