Notícias

Maior Centro de Educação Infantil Municipal de Extrema abre período para cadastro escolar

Cadastramento das crianças começará na segunda-feira (30)

28 de maio de 2022

Foto: Ascom/Pref. Extrema

Ceim Professora Lucy Pereira de Lima Zingari

Na próxima segunda-feira, dia 30 de maio, a Secretaria de Educação iniciará o período de cadastramento das crianças que irão estudar no maior Centro de Educação Infantil Municipal (Ceim) de Extrema, localizado na Vila Rica. Feito os cadastros, posteriormente serão selecionados os alunos para a matrícula.

O novo Ceim Professora Lucy Pereira de Lima Zingari abrirá as portas pela primeira vez, depois da conclusão das obras, para os pais e responsáveis fazerem os primeiros cadastros de seus filhos e aproveitarem a oportunidade para também conhecer a nova unidade.

“Com muita alegria vamos entregar mais uma unidade escolar para a população, sendo um investimento importantíssimo da Administração Pública e da Secretaria de Educação. Abrir este espaço educador será um passo muito importante para melhorar ainda mais a qualidade do ensino de Extrema”, comemorou a secretária de Educação, Geisa Ramos.

O prédio da nova unidade escolar abriga cinco berçários, quatro salas minimaternais, cinco salas maternais, cinco salas pré-escolares, dois fraldários, salas de artes e música, além de um playground e um auditório.

As vagas são para crianças de quatro meses a cinco anos de idade. Há 550 matrículas. O cadastro poderá ser feito diretamente no próprio Ceim, na Rua das Araucárias, 210, Vila Rica, de segunda a sexta-feira, das 08h00 às 17h00.

No cadastramento será necessária a apresentação de uma foto 3×4 e cópia dos seguintes documentos da criança: certidão de nascimento ou RG; CPF (caso tenha); cartão do SUS; carteira de vacinação com a identificação e vacinas atualizadas, e cartão do convênio médico (se houver).

Já os pais precisam apresentar cópias do RG e CPF; cartão do Auxílio Brasil (caso seja beneficiário); holerite e registro na Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) – se autônomo e demais ocasiões de trabalho intermitente, levar o contrato social da empresa ou documentos que comprovem tal situação, devidamente registrados em cartório -; comprovante de residência atualizado no município em nome dos responsáveis e/ou familiares ou contrato de locação devidamente registrado em cartório.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 1266

28/01/2023

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp