Notícias

Move contrata estudo de Plano Diretor exclusivo para Monte Verde

Em ação inédita, Monte Verde terá um estudo específico para compor a elaboração do Plano Diretor de Camanducaia. Contratado pela Agência de Desenvolvimento de Monte Verde (Move), o trabalho tem como objetivo levantar as necessidades, bem como visões estratégias econômicas, sociais, ambientais, urbanísticas e institucionais para que, por meio delas, sejam definidos os programas e projetos a serem implantados no distrito nos próximos 20 anos.

26 de fevereiro de 2021

Foto: Ascom/Move

Consultoria-privada-irá-levantar-as-principais-necessidades-de-desenvolvimento-sustentável-do-distrito-para-as-próximas-duas-décadas-550×300

A empresa SG Urbanismo Inteligente foi escolhida no segundo semestre de 2020, logo após a Prefeitura de Camanducaia decidir elaborar um novo Plano Diretor – o documento está sendo executado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). A expectativa é que o estudo de Monte Verde seja finalizado até meados de junho e o Plano Diretor até o final deste ano.

“É um formato progressista e especial de trabalhar o desenvolvimento dessa região que já é reconhecida por suas paisagens e ecoturismo, mas, que ainda assim, possui grande potencial de crescimento”, disse a presidente da Move, Rebecca Wagner.

A Move integra o Conselho Gestor do Plano Diretor do Município de Camanducaia, representando a sociedade civil, desde 12 de fevereiro.

Estudo participativo

Desde setembro, a empresa de consultoria tem realizado ações, visitas e oficinas entre seus associados, convidados, representantes da Move e da Prefeitura de Camanducaia para realizar o levantamento. Representantes da sociedade civil do distrito também são convidados a participar.

Segundo o sócio-diretor da SG Urbanismo Inteligente, Daniel Caporale, arquiteto, urbanista e mestre em desenvolvimento sustentável com expertise em planejamento urbanístico participativo, a realização das oficinas permite uma metodologia inovadora e participativa com diferentes setores da comunidade. “Assim, vamos construindo o projeto com base na vivência que os habitantes têm, pois são eles que vivem aqui no dia a dia e conhecem a realidade do município. Esse levantamento tem a função de dar recomendações urbanísticas, critérios urbanísticos, novo saneamento e novos projetos para amparar o Plano Diretor e garantir um bom desenvolvimento para Monte Verde”.

A empresa é de Canela (RS) e atua com projetos similares em outros estados brasileiros, além de outros países da América Latina, como Colômbia e Argentina.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 2525

13/08/2020

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp