Notícias

Pessoas com deficiência e comorbidades começam a ser vacinadas contra Covid em Extrema

13 de maio de 2021

Foto: Ilustrativa

Secundária 2

A Prefeitura de Extrema recebeu, no dia 6 de maio, 716 primeiras doses da vacina contra Covid-19 da AstraZeneca. Entre elas, 464 para pessoas de 55 a 59 anos com comorbidades, 141 doses para deficientes e 111 para puérperas com comorbidades.

Assim, foi dada sequência à vacinação nesta semana, na quadra ao lado Sala de Vacina Central, a idosos a partir de 60 anos que ainda não tinham se vacinado, puérperas com comorbidades a partir de 18 anos, pessoas com Síndrome de Down com 18 anos ou mais, deficientes BPC de 55 a 59 anos e pessoas 55 a 59 anos com comorbidades.

Todas as pessoas com comorbidades devem levar a carta médica no dia da aplicação da vacina, pois, ao contrário, não receberão a dose. A carta médica pode ser solicitada e retirada em sua unidade de saúde.

Acompanhe quais são as comorbidades que podem tomar a vacina contra a Covid-19 de acordo com a faixa etária atual: https://bit.ly/3w61iNl e https://bit.ly/3tItJQ1.

Atenção

Na segunda-feira, dia 10 de maio, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou que a vacina AstraZeneca não seja mais aplicada em gestantes, sendo assim, suspendeu de forma imediata a vacinação desse grupo.

De acordo com a Anvisa, a suspensão da aplicação da vacina AstraZeneca se deve a uma orientação, “resultado do monitoramento de eventos adversos feitos de forma constantes sobre as vacinas Covid em uso no país”.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 2525

13/08/2020

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp