Notícias

Saúde mental: CAFP atende gratuitamente quase mil pacientes em Extrema no 1º semestre de 2022

09 de julho de 2022

Fotos: Ascom/Pref. Extrema

PARASE~1
Centro de Atendimento Fonoaudiológico e Psicológico (CAFP)
sem legenda2 (1)
sem legenda1

O Centro de Atendimento Fonoaudiológico e Psicológico (CAFP), também conhecido como Ambulatório da Saúde Mental, serviço ambulatorial com o objetivo de promover a saúde mental, atende crianças, adolescentes e adultos que sofrem com problemas psicológicos e fonoaudiológicos em Extrema. Somente neste ano o ambulatório já atendeu quase mil pessoas.

Composto por uma equipe constituída por médicos psiquiatras; psicólogos voltados para atendimentos individuais de crianças, adolescentes e adultos; terapeutas ocupacionais e fonoaudiólogos, o CAFP é um serviço aberto e comunitário do Sistema Único de Saúde (SUS) que oferece acompanhamento e tratamento a toda população.

O CAFP não atende demandas espontâneas, já que a porta de entrada para este serviço especializado da saúde mental são os PSFs que avaliam, inicialmente, se o paciente necessita ou não de tratamento apropriado, conforme o grau do seu transtorno mental (leve, médio ou elevado). Posteriormente os casos leves a moderados são encaminhados para o CAFP, enquanto os casos graves são direcionados para o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS).

Os casos emergenciais, vindos do judicial e do Conselho Tutelar, são transferidos diretamente para a equipe do CAFP, sem passar pela triagem dos PSFs. É válido lembrar que cada sessão infantil dura 30 minutos, enquanto as sessões para adultos abrangem 50 minutos de duração.

Para desenvolver a linguagem oral infantil, os dois fonoaudiólogos da equipe se apegam às estratégias lúdicas, buscando desenvolver atividades em que a criança mostra interesse e socialize com algo. “A partir da repetição e da percepção auditiva que nós trabalhamos no início e no final da terapia é que conseguimos resolver diversos casos de melhora na dicção e nos fonemas de nossos pacientes”, explicou uma das fonoaudiólogas do CAFP.

Com uma sala colorida, bem organizada e repleta de materiais lúdicos, a psicóloga infantil do Centro de Atendimento Fonoaudiológico e Psicológico trabalha na área há 25 anos e, segundo ela, a dimensão do seu trabalho é incalculável, já que hoje atende os filhos dos seus antigos pacientes que faziam terapia na fase infantil. “Realizo atendimentos de crianças de 3 a 11 anos, acompanho-os durante 30 minutos de 15 em 15 dias. Muitas questões estão presentes nos atendimentos, sejam problemas socioeconômicos, desestrutura familiar, que envolve separação, morte, famílias transgênicas e demais casos, além de atender também uma demanda de crianças que sofreram abusos”.

O Centro de Atendimento Fonoaudiológico e Psicológico está localizado na Rua Alexandre Bertolotti, 144, Centro. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 08h00 às 17h00. Para mais informações, entre em contato pelo telefone (35) 3435-5602 ou mande um e-mail para psic.fono@gmail.com.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 1266

28/01/2023

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp