Notícias

Serra da Mantiqueira recebe sinalização da Rede Trilhas com placas para orientar caminhantes

Objetivo da ação é facilitar a orientação do caminhante, caracterizar a Rede Trilhas e personalizar cada caminho com sua própria identidade, utilizando-se de um ícone regional

12 de maio de 2022

Foto: Divulgação

Voluntários de Extrema e Joanópolis

Um grupo de voluntários de Extrema e Joanópolis, incluindo alguns representantes de ambas as prefeituras, sinalizaram 20km do trecho Extrema-Joanópolis, parte integrante do Grupo de Trabalho (GT) Serra do Lopo-Pedra do Baú e, depois, todos os envolvidos visitaram vários empreendimentos que poderão, futuramente, atuar como pontos de apoio para hospedagem, alimentação e atrativos turísticos da Trilha Transmantiqueira (TMTQ).

A trilha é um dos projetos que compõem o Plano Municipal de Desenvolvimento Turístico Sustentável de Extrema 2021-2031. A prefeitura tem empenhado esforços na coordenação do projeto na região, visando à estruturação do produto turístico internacional, em parceria com o Ministério de Meio Ambiente, Ministério do Turismo, Secretaria de Estado de Cultura e Turismo, Circuito Turístico Serras Verdes e os municípios de Vargem, Joanópolis, Camanducaia, São José dos Campos, Gonçalves e Sapucaí Mirim.

Rede Trilhas

A Rede Nacional de Trilhas de Longo Curso e Conectividade, também chamada de Rede Trilhas, foi criada pela Portaria Conjunta nº 407/2018 do Ministério do Meio Ambiente e do Ministério do Turismo e está sendo estruturado em todo o país, com o objetivo de ser um instrumento de conservação da biodiversidade e conectividade de paisagens, reconhecendo e protegendo as rotas pedestres e de outros meios de viagem não motorizados. Além disso, o projeto quer sensibilizar a sociedade sobre a importância da conexão de paisagens naturais e ecossistemas, além de diversificar, estimular e ampliar a oferta turística.

A Trilha Transmantiqueira (TMTQ) percorrerá a Serra da Mantiqueira, tendo como símbolo a araucária (Araucaria angustifolia) com sua pinha; estilizada na forma de pegadas. Para identificar o sentido norte, as placas estarão representadas com o fundo preto e com pegada amarela, e o sentido sul será representado com o fundo amarelo e o símbolo da pegada na cor preta. 

A trilha terá 1.114 km de extensão pela Serra da Mantiqueira, percorrendo: três estados (São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais), 47 municípios e conectando ainda 37 unidades de conservação, em uma das maiores e mais importantes cadeias montanhosas do sudeste brasileiro.

A TMTQ foi reconhecida como integrante da Rede Trilhas através da Portaria MMA nº 543/2021. O trabalho de implantação na região teve início em maio de 2019 com a realização do 7º Seminário da Trilha Transmantiqueira em Extrema, sendo que neste evento foi criado o Grupo de Trabalho (GT) Serra do Lopo-Pedra do Baú, cujo intuito é a implantação da trilha em parceria com as sete prefeituras da região (Vargem, Extrema, Joanópolis, São José dos Campos, Camanducaia, Gonçalves e Sapucaí Mirim).

A perspectiva é que estas ações de retomada dos trabalhos se intensifiquem nos próximos meses, ampliando os quilômetros sinalizados da trilha de longo curso e sua consolidação nos municípios de Extrema e Joanópolis como instrumento de promoção do ecoturismo local e do estímulo à conservação ambiental.

Compartilhe:

Veja também

EDIÇÃO IMPRESSA

Edição nº: 1229

14/05/2022

Ver todas

receba a

Edição digital

direto no seu

whatsapp